Psicologia às Avessas

Psicologia às Avessas
Psicóloga Odegine Graça - Especialista em Autoestima, Relacionamentos e Relacionamentos Amorosos
Psicóloga Odegine Graça

“Nada é tão ruim que não possa piorar.”

“Ser infeliz é uma arte que deve ser cultivada com firmeza.”

“Sou da opinião que devemos sempre alimentar nossos pontos fortes. Se você é bom em ser infeliz, então capriche ainda mais.”

Frases como as de cima podem ajudá-lo e muito a realmente estragar sua vida.

Meditar sobre as coisas ruins da sua vida e da vida dos outros, alimenta soberanamente as trevas da alma.

Ler autores bem depressivos e ouvir música triste, também ajuda muito.

Tomar muito álcool e comer feijão a noite, é ma-ra-vi-lho-so.

Os gases acumulados se traduzem como pesadelos terríveis, e o resultado é uma noite mal dormida, e uma noite mal dormida resulta em um dia pesado e muito difícil, e nesse estado é mais fácil cultivar a infelicidade.

Alimentar sonhos de grandeza e comparar-se com pessoas bem mais ricas, inteligentes e bonitas ajudam a definir muito claramente seu estado de miséria.

Mas acima de tudo, lembrar-se todos os dias da decisão de fazer desse dia o pior de sua existência é essencial no aprendizado de ser infeliz.

Um dia bem infeliz exige que se capriche mesmo em fazer de cada minuto, cada segundo de vida, um momento de suprema dor e miséria.

Pensar na morte, cultivar fantasias de ser imortal, lindo, rico, também ajuda muito.

Enfim, o básico é:

Reclamar muito;

Não fazer nada, pois não vale a pena.

Persistir no mesmo erro (isso também é muito importante).

Mas…

Acima de tudo, lembre-se de que a pratica diária do mantra “A vida é uma droga” é indispensável a todos os pretendentes ao caminho da infelicidade suprema.

Artigos Relacionados