Às vésperas do fim do mundo…

Às vésperas do fim do mundo…
Psicóloga Odegine Graça

 

Às vésperas do fim do mundo, me pergunto o que realmente esperamos que acabe.
Se eu pudesse fazer um desejo antes que o mundo acabe eu diria:
Por favor acabe…
Esse mundo de tristezas e injustiças, onde alguns tem tanto e tantos não tem nada. Por favor acabe este mundo de injustiças e violência. Por favor acabe esse mundo onde tantos procuram o amor e não encontram nem em si mesmos.

Se eu pudesse rezar e escolher que o mundo acabasse eu escolheria que acabasse e se iniciasse um novo, onde pudéssemos ter nossas vidas de volta, onde pudéssemos passar os dias brincando com nossos filhos ou simplesmente olhando o sol.

Eu quero que esse  mundo cheio de “razão” acabe e que se inicie um mundo sem lógica, mas com muito coração, e muito amor.  Um lugar onde a gente não precise seguir regras para conquistar a vida, mas que a vida seja um direito nosso, onde tenhamos a chance e o direito de sermos humanos. Somente e meramente humanos…
Falhos e felizes…
Contraditórios, inconstantes e sem tantas explicações…

Que sejamos somente homens e mulheres amorosos, soltos, e livres…
Definitivamente, que esse mundo de hoje se acabe, e vamos fazer um novo mundo.

Artigos Relacionados