Abertos e Fechados

Abertos e Fechados

Lançamento:

“Abertos e Fechados” (Editora Juruá), da Psicóloga Vera Regina Miranda.

Entrevista – “Abertos e Fechados”

Entrevistamos a autora do livro “Abertos e Fechados”, Vera Regina Miranda. Pedimos que nos contasse um pouco sobre este livro e sua experiência como autora em diversos temas relacionados à Psicologia e Educação.
Cá entre Nós: Falando em Abertura, muito obrigada por abrir-se conosco e participar em nosso blog!
Você pode nos falar sobre estar “aberto” ou “fechado”? Quais são as conseqüências destes dois movimentos?

 

Vera Regina Miranda
Vera Regina Miranda

 

Vera Regina Miranda: Podemos dizer que a abertura permite troca, renovação, mudança, (estar aberto para aceitar visitas e pessoas de diferentes pensamentos e culturas, convites, ir a novos lugares… Mas quando há abertura em excesso pode gerar invasão, perda de identidade (casa onde todos chegam sem avisar, podem se intrometer nos espaços, etc.).

 

O fechamento pressupõe digestão de sentimentos, pensamentos e informações, manutenção de silêncios e momentos de isolamento, preservação de identidade, sigilo e lealdades. Seu exagero pode acarretar em enrijecimento e estagnação.

Vale lembrar que nada por si só pode ser considerado bom ou ruim, é preciso analisar a situação, os envolvidos, a duração, etc. Justamente porque a vida implica em movimentos de aberturas e fechamentos, sempre: quando a noite se abre isto ocorre porque o dia se fechou e vice-versa.

 

CeN: “Abertos e Fechados” é o primeiro livro da “Coleção Transformando” e trata de sociabilidade e isolamento. Que outros temas são abordados nesta coleção?

 

VRM: Nos demais livros serão tratados temas sobre:as diferentes famílias,agressividade verbal,necessidade de fortalecimento para enfrentar dificuldades, aprendizagem de relaxamento mental,uso de apelidos,diferenças individuais, entre outros.
CeN: Como e quando surgiu a idéia para esta série de livros?

 

VRM: Já escrevi há algum tempo as histórias, mas queria fazer algo que mobilizasse interação e por isto contei com o auxílio de uma pedagoga (Rejane Bonilauri), para juntas elaborarmos propostas onde as crianças, após as leituras realizassem diversas atividades complementares, exercitando autoconhecimento, alternativas adequadas para lidar com diversas situações, além de treinarem habilidades psicopedagógicas como memória, atenção, interpretação de textos, coordenação visomotora. Tudo isto justamente porque ler, refletir, sentir e agir parecem indispensáveis e indissociáveis para que se processe a efetiva aprendizagem.
CeN: Este é um material de uso exclusivo de Psicólogos, Professores e Pedagogos? Quem pode se beneficiar desta Coleção?

 

VRM: Além dos profissionais (que atuam com uma população, tanto infanto-juvenil, como adulta) a idéia é de que as crianças nas escolas possam lidar com o material, em um trabalho preventivo.
CeN: Recentemente você lançou o livro “Educação e Aprendizagem – Contribuições da Psicologia” (em co-autoria com Cristiane Zevir, Grazieli Cristina da Fonseca, Tisa Paloma Longo e colaboradores), já anunciamos aqui também o futuro lançamento do “Sentimentos” (jogo em co-autoria com Thays Araujo). Parece que você está numa fase criativa e editorial importante! Você tem mais algum projeto em desenvolvimento?

 

VRM: Novos volumes dos livros: “Psicologia Jurídica” (está quase pronto) e “Educação e aprendizagem”. O próximo livro da Coleção “As diferentes Famílias” deve sair até o final deste ano.
CeN: O que lhe despertou mais interesse para escrever esta coleção, a experiência como Psicóloga clínica ou escolar, ou como Professora de cursos de Psicologia? Existe algum “lugar” de inspiração aos temas que trabalha?

 

VRM: Não há um lugar, as pessoas são minha fonte de inspiração, o desejo de contribuir, de algum modo em seu processo de desenvolvimento, minha paixão em escrever, aliada agora ao prazer em contar com deliciosos colaboradores e co-autores. O que acrescenta MUITO ao meu próprio desenvolvimento, nesta fase de minha vida.
CeN: Estamos falando de uma coleção de livros sobre “transformação”. Pode deixar uma mensagem a nossos visitantes do Cá entre Nós sobre transformação e mudança?

VRM: Fechem-se para ouvir sua voz interior a lhes revelar pensamentos, sentimentos, projetos, intuições, mantendo (não perdendo de vista) todos os importantes valores básicos (justiça, respeito, amor, alegria, generosidade) e abram-se para a renovação, a troca, as relações,os encontros, as expressões de afeto e comunicação e para mudar em tudo que necessitar de transformação! Mas mudar devagar, pois “o que importa é a direção e não a velocidade”, como o diz Clarice Lispector.

Quem é?

Vera Regina Miranda é Psicóloga clínica e escolar, formada pela PUC-PR e Mestra em psicologia da infância e da adolescência pela UFPR. Professora dos cursos de graduação e pós-graduação em Psicologia na PUC-PR e Universidade Positivo/PR.

Autora dos livros:
– “Prática Psicomotora na pré-escola” (Editora Ática)
– “Adoção – uma história de espera e de amor” (Editora Juruá)
– “Lições de Vida” (Editora Juruá)
– “Psicologia Jurídica – Temas de aplicação” (Editora Juruá)
– “Educação e Aprendizagem – Contribuições da Psicologia” (Editora Juruá).

Artigos Relacionados