A Vida É Um Sonho

A Vida É Um Sonho
Psic. Odegine Graça

Na sexta-feira fiquei em casa.

Minha filha de 10 aninhos pegou uma virose brava e fiquei cuidando dela.

Pela manhã ela já estava bem melhor, então convidei-a para irmos à panificadora a pé para comprar pão, curtindo o lindo dia de sol.

Primeiro passo, reclamacões: ai mãe, mas é longe, vou cansar, etc.

Por fim, saímos. Logo no início da caminhada, enquanto estamos andando de mãos dadas, silenciosamente ela me disse muito compenetrada em seus pensamentos:

– Mãe, você sabia que eu estou sonhando?

Eu meio espantada respondi

– É mesmo filhinha?

– É – continuou ela – e eu convidei você para viver esse sonho comigo. Sabe mãe, no sonho a gente pode fazer qualquer coisa, qualquer coisa mesmo. Quer ver?

Ela levantou os bracinhos para cima e simulou uma espécie de mágica e logo fez uma cara de decepcionada e me disse:

– O problema é que quando eu estou aqui eu me esqueço de como fazer a mágica.

Eu sorri e concordei.

– É mesmo filha, quando estamos aqui esquecemos toda a nossa magia.

São muitos os autores e filósofos que já falaram sobre esse tema. Aqui, estamos sonhando ou estamos acordados? Mas vamos falar sobre um outro aspecto deste questionamento filosófico, sobre a magia de nossos corações.

A magia dos nossos corações, que perdemos conforme vamos vivendo e crescendo. Existem pessoas que esqueceram completamente seu coração sonhador de criança e tudo que existe dentro delas é raiva e um autoritarismo disfuncional, uma pobreza e amargura que dá pena.

São pessoas que secaram por dentro. O rio de sua magia interna secou completamente e elas já não são mais regidas por possibilidades incríveis, mas sim pela impossibilidade. O movimento da vida fixou, paralisou, e elas estacionaram em alguma fase de suas vidas, em algum momento escuro e triste, e ali ficaram.

Essas pessoas acreditam que nada do que elas façam pode mudar suas vidas ou fazer diferença no mundo. Se entregam a um fatalismo mórbido e qualquer coisa que signifique esperança e mudança cai em descrédito em seu mundo. Para essas pessoas o mundo é um grande pesadelo cheio de fantasmas, sofrimentos e túneis escuros sem saída.

O problema maior é que esse tipo de ser humano consegue um sem número de seguidores, com seus gritos, desaforos e desrespeitos aos outros ganham a fama de “saber muito”.

Escondem sua fragilidade por trás de um enorme cala boca e conseguem muitos admiradores. Mas porque será? A resposta é bem simples: pessoas magoadas, principalmente crianças abusadas por várias formas de autoritarismo, quando crescem continuam acreditando que merecem uma boa-lição e que se alguém com alguma autoridade a desrespeita e a humilha publicamente, no fundo é para o seu próprio bem. Acreditam que ao aguentar firmemente aquilo e que de alguma maneira elas serão recompensadas no futuro por isso.

Isto tudo é uma grande ilusão, e uma grande porta aberta para fracassados que não tem conhecimento e nem autoridade alguma continuarem a agir sem respeito e livremente por aí. É porque acreditamos muito mais facilmente nas coisas ruins que nas coisas boas que esse tipo de pessoa prevalece na vida e muitas vezes no mercado de trabalho. Isto acontece porque acreditamos que não somos bons o suficiente e merecemos aguentar esse tipo de abuso.

Quero dizer claramente aqui, a única recompensa do abuso é mais abuso ainda. Ninguém ganha nada por se deixar maltratar. Ninguém ganha nada por acreditar que não é bom o suficiente. Ninguém ganha nada, nada mesmo, por abrir mão dos seus sonhos e deixar que drenem sua magia interna. É o momento de acordarmos e vivermos no infinito universo de possibilidades, no universo de deus infinito e poderoso cujo espírito vive e reina em cada um de nós (seja qual for o nome que você de à ele, ou à ela) e sabermos que todos nós merecemos amor, respeito e que todos, absolutamente todos nós, temos direito a felicidade e a deixarmos essa luz divina que existe em cada um brilhar e brilhar cada vez mais forte.

Só confie em quem consegue fazer você sentir-se lúcido, forte e um ser mágico. Um espírito sagrado dentro de um universo sagrado. Se qualquer um disser o contrário disso, fique certo, essa pessoa não está falando de você, mas sim dos sonhos que perdeu. Está falando da amargura da sua própria alma e do seu próprio desespero interno de não acreditar em mais nada e em mais ninguém. Seu rio de magia interna secou e nela nada mais existe (segundo sua crença) que possa ser considerado bom ou sagrado. Essa pessoa morreu e tornou-se um zumbi, e todos que se deixarem contaminar pelas suas palavras também serão infectados e vão se tornar zumbis, mortos-vivos, sem luz e sem sonhos.

Cuide bem da sua luz, cuide bem de você. Afaste-se dessas pessoas. Salve-se enquanto ainda é tempo. Infelizmente você não pode salvá-los, eles já são zumbis, se ficar perto vai ser mordido e também tornar-se um.

Fique perto de sua luz e aposte em você, ser divino, sopro de deus. Ser sagrado. Viva no universo de infinitas possibilidades e surpreenda-se todos os dias com os presentes da vida para você. Isso será parte de seus olhos puros e de seu coração mágico e iluminado. Voce é especial, lindo e forte. Um ser único e maravilhoso.

Não permita que ninguém no mundo lhe diga o contrário disso, ok?

Um abraço forte e caloroso, ser especial.

Artigos Relacionados